Alma de Jardineira

terça-feira, setembro 21, 2010

estrelas fixas decidem uma vida

(...)

Anos depois, na estrada,
Encontro

Essas palavras secas e sem rédeas,
Bater de cascos incansável.
Enquanto
Do fundo do poço, estrelas fixas
Decidem uma vida.

Sylvia Plath
(tradução de Ana Cristina Cesar)

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home