Alma de Jardineira

quarta-feira, dezembro 02, 2009

Canção


O último pássaro
canta nos álamos.

A luz fatigada
tropeça nos ramos.

A terra é só vaga
memória de lábios.

Ah canta, canta,
rouxinol da água.

Eugénio de Andrade

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home