Alma de Jardineira

terça-feira, julho 21, 2009

durante um pássaro lento

vi os teus olhos durante um pássaro lento
que atravessou o céu e desapareceu
atrás da montanha.

olhando as nuvens, compreendi que eras
meu amigo durante árvores a crescerem
nos campos.

dentro do meu olhar, na terra fresca, havia
rochas que existiam desde o início da nossa
amizade.

José Luís Peixoto

1 Comments:

  • Quando a brisa sopra levemente, leva os pensamentos para muito longe. Experimenta soprar nessas sementes de beleza e leveza. Vê se as consegues apanhar.Sobem, descem e vão dar lugar aos mais novos em outro canto do planeta. Assim como nossas cinzas se esvaiem no vento e jamais se reunem,também essas sementes não voltarão ao mesmo sítio. Serão capazes de nascerem entre duas pedras como também serão capazes de nascerem no melhor dos campos.Assim como os homens nascem, crescem e se dispersam, vindo a recriar-se noutros cantos deste mundo formando novas cumunidades. Prodígios da natureza. Uma semana bem passada. João

    By Blogger Espaço do João, at 8:44 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home