Alma de Jardineira

quinta-feira, abril 23, 2009

Sem regresso nem resposta



Será possível que nada se cumprisse?
Que o roseiral a brisa as folhas de hera
Fossem como palavras sem sentido
- Que nada sejam senão teu rosto ido
Sem regresso nem resposta - só perdido

Sophia de Mello Breyner Andresen

1 Comments:

  • Nem sempre deixo comentário,mas gosto sempre de vir aqui,sinto-me......bem

    By Blogger NELIO, at 1:17 da manhã  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home